Seminário debate violência contra a pessoa idosa

Sorocaba 11 jun / 2019 às 16:39

A Secretaria da Cidadania e Participação Popular (Secid) e o Conselho Municipal do Idoso (CMI) organizam nesta quinta-feira (13) o seminário “Onde está a violência?”, das 8h às 12h, no Salão de Vidro do Palácio dos Tropeiros, aberto a todos os interessados. A iniciativa marca a passagem do Dia Internacional de Conscientização e Combate à Violência contra a Pessoa Idosa, em 15 de junho, e aborda temas relacionados à saúde, mobilidade, rede de assistência e meios de prevenção e combate.

O público será recepcionado a partir das 8h e programação começa às 8h30, com uma apresentação do coral Sintonia do CCI, formado por frequentadores do Centro de Convivência do Idoso e regência da professora Maria Regina Pinto Rabello. Às 9h, a advogada Gláucia Ferreira Rocha fala a respeito da “Violência contra o idoso: desafios para a mudança deste quadro”.

A partir das 9h45, a palestra “Os limites do envelhecer” será apresentada pela cirurgiã dentista Renata Marins. Já às 10h30, o tema “Mobilidade: o movimento na cidade” será abordado pelo urbanista Caio Júlio Guedes e pelo arquiteto Guilherme Augusto Matiello Bissoli. A psicóloga Renata Marques, a partir das 11h15, encerra a programação com o tema “Relacionamentos abusivos”.

Segundo o IBGE, as pessoas idosas representam 13% da população do Brasil, aproximadamente 26,3 milhões de habitantes, e a expectativa de vida dos brasileiros ao nascer subiu para uma média de 74,9 anos. “Com o crescente aumento da população idosa em todo o país, Sorocaba também reflete este cenário. Por isso, precisamos estar atentos a fim de combater e prevenir a violência contra as pessoas idosas”, destaca a secretária Suélei Gonçalves.

A Coordenadoria de Políticas para a Pessoa Idosa da Secid tem a função de articular ações voltadas a este segmento da população junto à Prefeitura, CMI, demais órgãos do Poder Público, sociedade civil e iniciativa privada. Sorocaba ainda dispõe do Centro de Referência do Idoso, mantido pela Secretaria de Igualdade e Assistência Social na Chácara do Idoso (Rua Manoel Afonso, 64, Vila Progresso), que fornece informações, encaminhamentos, esclarecimentos com relação aos direitos e deveres dos idosos e também dos serviços existentes a este segmento. Casos de violência também podem ser denunciados por telefone de forma anônima, pelo Disque 100.


Mais Notícias