Servidores das Proteções Básica e Especial passam por capacitação on-line

Sorocaba 24 jul / 2020 às 18:41

Gestores da Secretaria da Cidadania (Secid) iniciaram neste mês uma capacitação voltada à qualificação dos servidores no trabalho social com as famílias sorocabanas. Dividido em fases, a capacitação abrangerá noventa funcionários públicos ao longo de dez meses, a um custo de R$ 105 mil que será coberto por recurso federal.

Para o titular da pasta, Paulo Henrique Soranz, neste momento de pandemia do coronavírus, essa capacitação é considerada ainda mais importante, em razão do momento único que tem feito os servidores se reinventarem para atender às demandas da população, principalmente dos mais carentes.  “Esse curso é fundamental para o bom desempenho dos servidores, justamente em época de pandemia, já que o estado de calamidade exige estratégias e esforços muito maiores dos profissionais da assistência, que têm dedicado em demasia neste período”, enfatizou.

Entre outras questões, os servidores terão acesso a temas relacionados ao trabalho social, bem como construção de processos de trabalho, alinhamento de ações entre a Proteção Básica e Especial, com fortalecimento da equipe gestora e coordenadores em suas funções de liderança de equipamentos do Sistema Única de Assistência Social (SUAS) em Sorocaba.

De acordo com a chefe da Divisão de Gestão do SUAS, Vivian Cancellara Picini, além da equipe gestora da Secid, também os servidores que atuam na Proteção Social Básica e Proteção Social Especial, ou seja, nas unidades de atendimento ao cidadão como: CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), CREAS (Centro de Referência de Igualdade e Assistência Social), Centro de Triagem, CEREM (Centro de Referência da Mulher) e CRI (Centro de Referência do Idoso) participarão da qualificação.

Soranz destaca que o trabalho da empresa Vira e Mexe é considerado de primeira nesta área de assistência social. “É muito importante essa capacitação, porque os servidores, como qualquer outro profissional, precisam se reciclar para melhor atender a população, além de se sentirem valorizados quando são estimulados a sempre estarem se aperfeiçoando”.


Mais Notícias