Vítima de tiro de choque no PA Laranjeiras presta declarações à Corregedoria nesta manhã

Saúde 06 nov / 2018 às 08:56

A empresária Célia Ramos, que no último sábado (6) recebeu um tiro de arma de choque dentro do PA Laranjeiras, será ouvida pela Corregedoria Geral do Município na manhã desta terça-feira (6), por volta das 11 horas, no Paço Municipal. Ela será ouvida pelo Corregedor Geral, Carlos Alberto de Lima Rocco Júnior.

 

Em entrevista ao Jornal Z Norte na noite desta segunda-feira (6), ela disse que vai ao local para se defender de acusações que tem sofrido e contar a sua versão dos fatos. “Vou lá desmentir tudo o que estão falando de mim. Cada hora inventam uma situação”, afirmou a moradora.

 

No último sábado, Célia fazia uma transmissão ao vivo em seu Facebook mostrando a falta de médicos no PA Laranjeiras, quando foi abordada por um médico que a chamou de “louca” e um Guarda Civil Municipal, que após discussão, a atingiu com um tiro de arma de choque. Após o tiro, a vítima ainda recebeu provocação de outro médico.

 

O Jornal Z Norte fez ampla cobertura do caso em suas redes sociais, com entrevistas com a vítima no momento da abertura do Boletim de Ocorrências, o comando da Guarda Civil Municipal, a Secretária de Saúde e vereadores. Nesta segunda-feira (5), Célia concedeu entrevista exclusiva no estúdio do Jornal Z Norte.


Mais Notícias