Semana de Proteção e Bem-Estar Animal tem início em Sorocaba

Mundo Pet 27 set / 2019 às 16:17

A Secretaria do Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema) deu início nesta sexta-feira (27) à Semana Municipal de Proteção e Bem-Estar Animal em Sorocaba com a tradicional feira de adoção de filhotes de cães e gatos, que acontece na Praça “Dirceu Doretto”, no Campolim, até às 16h. A ação que incentiva a posse responsável continua no sábado (28), também das 9h às 16h.

A ‘Semana’ visa celebrar o Dia da Proteção e do Bem-Estar Animal (4 de outubro), instituído pela lei municipal nº 11.365, de 7 de julho de 2016. A data também faz parte do calendário oficial de datas alusivas ao Meio Ambiente, conforme prevê a Lei Municipal nº 8.812, de 15/07/2009.

A programação gratuita prevê uma série de atividades voltadas a toda a comunidade até o dia 6 de outubro com o objetivo de promover a sensibilização das pessoas a respeito da importância de promover a proteção e o bem-estar animal.

 

Feirinha de adoção

Quem for à Praça “Dirceu Doretto”, no Campolim, pode encontrar filhotes de cães e gatos com até três meses de vida à espera de um lar. Todos os animais foram previamente cadastrados por moradores de Sorocaba para a adoção e já se alimentam com ração seca, estão vermifugados e livres de parasitas.

A adoção é benéfica por diversos motivos. Além de não estimular a criação ou o comércio ilegal de animais, colabora para tirar cães e gatos do abandono. Além disso, existem inúmeros benefícios que uma convivência harmônica com animais pode proporcionar ao ser humano. Estudos indicam que a presença de um ou mais animais promove a melhoria do sistema imunológico, maior estabilidade emocional e diminuição do nível de estresse.

Os animais do Abrigo Municipal, que fica na rua Rosa Maria de Oliveira, 345, no Jardim Zulmira, também esperam pela visita de pessoas dispostas a levá-los para casa. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 16h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 3202.8006.

 

Programação até 6 de outubro

Na segunda-feira (30), a equipe da Seção de Proteção e Bem-Estar Animal estará no Terminal São Paulo, das 9h30 às 12h, para distribuir um material informativo e conversar com os sorocabanos a respeito do tema. Já na terça-feira (1º de outubro), no mesmo horário, a atividade ocorrerá no Terminal Santo Antônio.

Na quarta-feira (2), das 14h às 16h, a Secretaria do Meio Ambiente levará uma ação educativa aos alunos da E. M. “Prof. Amin Cassar”, na qual eles vão aprender conceitos importantes da prática do bem-estar animal, como direitos, proteção e guarda responsável. No dia seguinte (3), das 9h às 11h, será a vez dos estudantes da E.M “Prof. Ary de Oliveira Seabra” saberem mais sobre o tema. A ideia é tornar as crianças agentes multiplicadores da guarda responsável de animais domésticos.

Na próxima sexta-feira (4), das 9h30 às 12h, funcionários da Seção de Proteção e Bem-Estar Animal vão abordar a população que estiver no Centro para entregar um material informativo e falar sobre o assunto.

Já no sábado (5), das 9h às 12h, o Parque da Biquinha terá o “Cãominhada”, com o intuito de orientar e conscientizar a população sobre posse responsável e cuidados com os animais, a importância do convívio harmônico entre animais e seres humanos, a proteção e o bem-estar animal. Na caminhada ao ar livre, que tem início às 10h, a população poderá participar de uma manhã divertida ao lado seu animal de estimação. A única orientação é que os cães estejam com coleiras e que sejam levados por uma pessoa que tenha o domínio do seu animal. Já os cães agressivos devem estar também com focinheiras.

Para encerrar a Semana Municipal de Proteção e Bem-Estar Animal, no dia 6 de outubro, das 9h às 13h, o evento “Sorocaba abraça os Animais” será atração no Parque “Carlos Alberto de Souza”, no Campolim. Uma das atividades programadas será apresentar de uma forma especial à população os animais do abrigo, todos castrados e vermifugados, que estão para adoção.

 

Sobre o bem-estar animal

O bem-estar animal contempla o conceito das “cinco liberdades dos animais”: livre de fome e de sede; livre de desconforto; livre de dor, lesões ou doença; livre para expressar os seus comportamentos normais; e livre de medo e aflição.

Entre os cuidados que todos os proprietários de animais de estimação devem ter está a questão da higiene individual do animal e do seu ambiente de convívio, com a remoção diária dos dejetos, controle de parasitose, circulação de ar, acesso ao sol e área coberta protegida. Outro dever é oferecer água fresca, limpa e em quantidade farta e alimentação de boa qualidade e administrada em quantidade compatível com as necessidades da espécie e observada sua fase de evolução fisiológica.

Os donos também devem providenciar assistência médica veterinária e manter o animal vacinado contra raiva e demais zoonoses e revacinar dentro dos prazos recomendados pelo fabricante do produto utilizado ou de acordo com recomendação médico veterinária.


Mais Notícias