Prefeita e Padre Flávio se reúnem na busca de solução para o problema financeiro da Saúde

Saúde 07 nov / 2019 às 19:39

Com o propósito de que não falte assistência à saúde da população, a prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho, reuniu-se na tarde desta quinta-feira (7) com o presidente do Conselho da Administração da Irmandade da Santa Casa, padre Flávio Jorge Miguel Júnior. O encontro ocorreu na sala de reuniões do hospital.

A decisão pelo encontro partiu da prefeita, para tratar dos problemas financeiros da área da saúde e se colocar à disposição para buscar a melhor solução em relação aos repasses atrasados. Outro objetivo do encontro foi o de garantir a não interrupção do atendimento para que a população continue sendo bem assistida pelo hospital.

Para a prefeita, Santa Casa e Prefeitura buscam o melhor para a cidade de Sorocaba. “A área da saúde possui um déficit orçamentário. Os pagamentos estão atrasados por conta de um gasto não esperado pela antiga gestão”, justifica. Jaqueline também ressalta que o problema está sendo resolvido gradativamente. “Eu reafirmo, é nossa obrigação pagar nossos prestadores. Honraremos todos os pagamentos o mais rápido possível, dentro da legalidade e transparência”, afirma.

Segundo padre Flávio, a prefeita Jaqueline é uma pessoa de sua confiança e ela herdou essa dificuldade financeira. “A nossa Santa Casa está com repasses atrasados, mas não por culpa da prefeita. Isso acontece por conta de uma série de questões históricas da própria cidade devido a questões orçamentárias, além da crise financeira”, relata. Apesar da problemática, o presidente da Irmandade acredita que tudo será resolvido com brevidade.

A reunião também contou com a presença e auxílio do chefe do Gabinete do Poder Executivo, José Marcos Gomes Júnior.

Ida surpresa à Câmara

Também nesta quinta-feira (7) a prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho, esteve na Câmara Municipal de Sorocaba com o objetivo de demonstrar transparência aos vereadores sobre a atual situação orçamentária da cidade.

Com o seu gesto, a prefeita quis demonstrar comprometimento com o cidadão sorocabano e seus legítimos representantes. O presidente da Câmara, Fernando Dini, abriu espaço na sessão para que a prefeita ocupasse o microfone e se dirigisse à população sorocabana.

A iniciativa de ir ao Legislativo partiu da própria prefeita a partir do momento em que pela manhã ela soube que o padre Flávio Miguel Jorge, gestor da Santa Casa de Sorocaba, se dirigiu a cada um dos vereadores, com uma carta, alertando para a situação caótica da instituição frente aos atrasos de pagamentos da Prefeitura.


Mais Notícias