Paciente que levou tiro de arma de choque em PA entra na Justiça contra a Prefeitura

Polícia 06 nov / 2018 às 16:56

A empresária Célia Ramos, que foi atingida por um tiro de arma de choque no último sábado (3) no PA Laranjeiras, entrou com uma ação na Justiça contra a Prefeitura de Sorocaba por danos morais.

Segundo informações do advogado Maurício Vital, presidente da comissão de Cidadania da OAB de Sorocaba e que atende Célia, a ação indenizatória pleiteia o valor de 60 salários mínimos, o que corresponde a R$ 57.240,00.

O processo será julgado pelo Juiz Dr. Alexandre Dartanhan, na Vara da Fazenda Pública de Sorocaba/SP.

 

Saiba mais sobre o caso: Mulher leva tiro de choque de GCM após reclamar de atendimento no PA do Laranjeiras


Mais Notícias