Vinícius Aith protocola PL para a volta da GCM nas escolas

Política 08 maio / 2021 às 08:45

 O vereador defende que o agente de segurança armado pode proteger alunos e professores

 

Diante das recentes e cada vez mais frequentes ocorrências de violência nas escolas do país, o vereador Vinícius Aith (PRTB) protocolou um projeto de lei obrigando a Prefeitura a designar pelo menos um Guarda Civil Municipal para cada instituição pública de ensino do Município.

A proposta prevê a presença da GCM durante todo o período de atividades nas creches e escolas de ensino primário e fundamental, para defender a integridade física de alunos e funcionários dos estabelecimentos de ensino, que muitas vezes se veem acuados por pessoas que circulam nas proximidades e até tentam entrar nos próprios  públicos.

“Os casos que repercutem na Imprensa nacional dão conta de invasões e até de alunos que entram armados nas escolas e cometem crimes. Entendemos que o GCM tem condições de coibir os agressores, por ser um agente de segurança preparado para lidar com atos de violência”, pondera Vinicius Aith.

Na justificativa o projeto cita o episódio que vitimou três crianças e duas professoras no município de Saudades, em Santa Catarina, além dos massacres de Realengo, no Rio de Janeiro  e Suzano, em São Paulo, que também deixaram famílias enlutadas e inseguras em mandar os filhos para a escola.

Outro argumento do texto é o fato de que o Município, anos atrás, mantinha nas instituições de ensino a presença de guardas civis municipais e com o retorno das aulas presenciais previstas para junho, é necessário que as autoridades se posicionem de forma enérgica para garantir a segurança e o bem estar de alunos e professores.


Mais Notícias