Valor da Zona Azul em Sorocaba terá reajuste a partir de Julho

Trânsito 25 jun / 2018 às 17:45

A partir de 3 de julho de 2018, o valor do cartão do Sistema de Estacionamento Rotativo em Sorocaba, mais conhecido como Zona Azul, será reajustado. Atualmente, o cartão de 1 hora custa R$ 0,50 e o cartão de 2 horas, R$ 0,70, a menor tarifa praticada entre municípios do Estado de São Paulo, inclusive de cidades com menos frota e número de habitantes. Com o reajuste, o cartão de 1 hora passará a custar R$ 1,50 e o cartão de 2 horas será extinto.

“Estamos ampliando as vagas de Estacionamento Rotativo e também vamos em breve modernizar o sistema, com o lançamento do Zona Azul Digit@l. É uma série de benefícios que estamos trabalhando para oferecer à população mais comodidade para achar uma vaga para estacionar o carro e adquirir o seu cartão”, destaca o secretário de Mobilidade e Acessibilidade, Luiz Carlos Franchim, também presidente da Urbes. “Além disso, é importante salientar que esse valor está em vigor desde julho de 1996, ou seja, há 22 anos”, completa.

Para determinar o novo valor, a Urbes fez um levantamento dos índices inflacionários de julho de 1996 a março de 2018.  O acúmulo de inflação da cesta de índices neste período de 22 anos foi de 337,82%. Aplicando esse índice o cartão de 1h custaria R$ 2,20 e o de 2h, R$ 3,10. “Com todas essas informações, chegamos ao valor de R$ 1,50 para o cartão de 1h, que ainda assim continuará sendo uma das menores tarifas do Estado”, declara Franchim.

De acordo com a Urbes, os sorocabanos poderão continuar utilizando os cartões já adquiridos com o preço atual, que serão vendidos nos postos de venda credenciados até o fim do estoque.

 

Outros municípios

Em Ribeirão Preto, por exemplo, que possui uma população de 674.405 (IBGE/2016) e uma frota de automóveis e utilitários de 288.031, números bem próximos ao de Sorocaba, que possui 652.481 habitantes e uma frota de 292.891, o cartão de Zona Azul atualmente custa R$ 3,00 por duas horas. Jundiaí, que conta com 405.740 (IBGE/2016) e uma frota de 201.049, cobra R$ 1,40 por 30 minutos, R$ 2,80 por uma hora e R$ 4,00 por duas horas. Osasco, com 696.382 habitantes e uma frota de 271.442, cobra R$ 1,90 por uma hora.

Já cidades menores, como São Roque, cobra R$ 1,00 por 30 minutos, R$ 2,00 por 1 hora, R$ 3,00 por 1h30 e R$ 4,00 por duas horas. Piracicaba, cobra R$ 2,00 por uma hora. A cidade vizinha de Votorantim também cobra R$ 2,00 por uma hora.

 

Onde comprar

Atualmente há 107 postos de venda autorizados de Zona Azul em Sorocaba, incluindo todas as unidades da Casa do Cidadão. A orientação da Urbes é para que os condutores adquiram os cartões de estacionamento rotativo de forma antecipada para maior comodidade, evitando multas.

Todos os postos de venda podem ser conferidos no site: https://www.urbes.com.br/zona-azul-postos-venda. Os cidadãos que tenham qualquer dúvida a respeito do assunto, inclusive quais são os postos de venda autorizados, podem entrar em contato pelo telefone 118, que funciona diariamente, 24 horas por dia.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 3331.5000.


Mais Notícias