ConSor entra na justiça para impedir paralisação do transporte público por conta da Greve Geral

Trânsito 12 jun / 2019 às 18:20

A Consórcio Sorocaba entrou com uma ação judicial no Tribunal Regional do Trabalho na tarde desta quarta-feira (12), para garantir a continuidade da prestação dos serviços de transporte coletivo na cidade, durante a paralisação da Greve Geral marcada para a próxima sexta-feira (14). A ConSor havia pedido ao Sindicato dos Metroviários de Sorocaba e Região que não aderissem ao ato, mas a entidade negou o pedido.

De acordo com uma nota divulgada, a Consor é a favor das manifestações, mas acredita que a paralisação pode prejudicar os usuários do transporte coletivo na cidade. “Entendemos que outras formas de protesto podem representar a vontade do trabalhador sem, entretanto, trazer um prejuízo à população,” afirmou por meio de nota.

O Sindicato dos Metroviários de Sorocaba e Região foi questionado sobre a ação ajuizada pela ConSor, no Tribunal Regional do Trabalho. De acordo com a assessoria de imprensa da entidade, o sindicato ainda não foi notificado oficialmente da ação


Mais Notícias