Prefeitura afirma que não faz campanha digital de arrecadação para PSR

Sorocaba 25 mar / 2020 às 18:57

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Cidadania (Secid), esclarece que não está realizando nenhuma ação online no sentido de arrecadar dinheiro para auxiliar Pessoas em Situação de Rua (PSR) que serão acolhidas a partir da próxima semana no SOS (Serviços de Obras Sociais) e Clube do Idoso. A Secid faz esse esclarecimento em razão de uma postagem que começou a circular nas redes sociais de uma vaquinha virtual visando a arrecadação de recursos para Sorocaba e Votorantim. A postagem cita equivocadamente que ginásios esportivos das cidades serão transformados em abrigos de PSRs como medida de enfrentamento à disseminação do coronavírus, o que não é verdadeiro, no caso de Sorocaba.

De acordo com o secretário da Cidadania, Paulo Henrique Soranz, essa suposta suposta campanha que vem sendo compartilhada pelo WhatsApp não está sendo organizada pela Secid. “Não estamos fazendo nenhuma campanha neste sentido. Construímos uma situação de retaguarda e vamos acolher 130 pessoas em situação de rua que terão atendimento digno com refeições, acomodação e condições de higiene, mas não estamos fazendo nenhuma vaquinha virtual”, reforça Soranz, complementando que a Secid irá tentar descobrir a origem e qual a real finalidade desta campanha.

Em virtude da pandemia do novo coronavírus, até a próxima semana, 60 pessoas serão acolhidas no SOS e outras 70 alojadas no Clube do Idoso. Essa decisão foi tomada na última quarta-feira (24), durante uma reunião da prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho, com membros da Secid.

O titular da Secid, Paulo Henrique Soranz, reforça que toda ajuda é bem-vinda e orienta os sorocabanos que desejem realizar doações para que contatem a Secid pelo telefone: (15) 3212-6900.


Mais Notícias