Devido a um novo surto de Covid-19, Câmara Municipal será fechada por 15 dias

Sorocaba 14 jan / 2021 às 11:37

A decisão da mesa atende recomendação das autoridades sanitárias e, nesse período, os servidores continuarão trabalhando em regime de “home office”

 

A Mesa Diretora da Câmara Municipal deliberou pelo fechamento total da sede do Legislativo Sorocabano por 15 dias, a partir desta sexta-feira (15) até o dia 29 de janeiro. A medida segue recomendações das autoridades sanitárias e foi tomada para controlar um surto da epidemia de Covid-19 na Casa de Leis, que registrou quatro casos confirmados neste ano. A Câmara Municipal seguirá trabalhando em sistema home office e a reabertura da Casa ocorrerá antes do início do ano Legislativo, previsto para fevereiro.

O secretário geral da Câmara Municipal, Jonata Elias Mena, em entrevista à Rádio Câmara (também transmitida pela TV Câmara) explicou as medidas tomadas, ressaltando que a preocupação da Mesa Diretora é com a saúde não só dos servidores, mas de todos os munícipes que frequentam o Legislativo. “Desde o início do mandato da atual Mesa Diretora, ela tem se reunido e a preocupação principal sempre foi com a saúde e a dignidade humana, não só dos servidores e vereadores, mas de toda a população que frequenta o Legislativo”, ressalta o secretário.

 

Continuidade dos trabalhos – Responsável pelo funcionamento operacional do Legislativo, como titular da Secretaria de Administração, Jonata Elias Mena salienta que a Câmara Municipal não deixará de prestar serviços à população nesse período de fechamento, uma vez que os servidores continuarão trabalhando à distância, por meio dos canais remotos, oferecendo o atendimento necessário por meio de suas redes sociais. “O público não terá prejuízo algum, pois a Câmara continuará realizando seu trabalho legislativo”, enfatiza, acrescentando que, antes do retorno das sessões, em fevereiro, deverão ser feitos novos testes com os vereadores e servidores.

Segundo o secretário, há quatro casos confirmados, o que motivou a adoção da medida de fechamento, por recomendação da Médica do Trabalho da Casa. “Desde o início, a Câmara vem adotando medidas de higiene e distanciamento social, mas essas medidas não se mostraram suficientes, uma vez que os munícipes estavam vindo à Câmara, por isso a decisão de fechar e desinfectar a Casa até para garantir mais segurança para os próprios munícipes e para o reinício das sessões em fevereiro”, explica o secretário geral.

 

Ato da Mesa – Com base no estado de calamidade pública, que continua vigorando no município, em função da pandemia, e seguindo recomendações da médica do trabalho da Casa, o Ato da Mesa nº 03/2021, baixado nesta quinta-feira, 14, determina o fechamento do prédio da Câmara de Sorocaba no período de 15 a 29 de janeiro, procedendo-se, nesse período, à sua total desinfecção. Os servidores continuarão trabalhando em casa, em jornadas compatíveis com sua carga horária, e os profissionais da Secretaria de Comunicação Institucional poderão ser convocados para serviços excepcionais.


Mais Notícias