Santa Casa de Sorocaba recebe verba trabalhista de R$ 181 mil para combate à Covid-19

Saúde 07 maio / 2020 às 15:12

Destinação tem como objetivo investir em estrutura de saúde para atendimento à população em tempo de pandemia 

A Santa Casa de Misericórdia de Sorocaba será beneficiária de uma verba trabalhista no valor de R$ 181.329,88 para investimento em ações de enfrentamento do coronavírus. O Ministério Público do Trabalho (MPT) pediu a destinação do montante em favor do estabelecimento, nos autos de uma ação civil pública ajuizada contra uma empresa da área têxtil; o juízo da 3ª Vara do Trabalho de Sorocaba autorizou o pedido.

O procurador Juliano Alexandre Ferreira, responsável pelo processo, indicou que ao menos R$ 50.000,00 devem ser utilizados para a aquisição de equipamentos de proteção individual (EPIs) para garantir a proteção dos profissionais de saúde que trabalham na Santa Casa. O despacho autorizando a destinação foi assinado pela juíza Eliete Thomazini Pala.

“A destinação tem como objetivo financiar ações de combate à Covid-19 no âmbito da cidade de Sorocaba, tendo como premissa que os serviços de saúde devem estar minimamente estruturados para atender a população contaminada. O MPT e a Justiça do Trabalho estão empreendendo esforços nacionais para ajudar nessa tarefa”, explica Juliano Alexandre Ferreira.

Além da aquisição de EPIs, a verba poderá ser utilizada pela Santa Casa para a compra de medicamentos, insumos, equipamentos, testes de Covid-19 e outros investimentos que tenham como finalidade o enfrentamento da pandemia. O estabelecimento atende pacientes pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Em todo o país, o MPT e a Justiça do Trabalho já destinaram mais de R$ 215 milhões para o combate ao coronavírus, direcionando verbas trabalhistas para hospitais, unidades de saúde e centros de pesquisa, entre outras iniciativas.


Mais Notícias