Após decisão judicial, José Crespo exonera Marinho Marte

Política 18 abr / 2018 às 18:24

O prefeito José Crespo exonerou, nesta quarta-feira (18), Mário Marte Marinho Júnior (PPS) da Secretaria de Relações Institucionais e Metropolitanas. Ilzo Lourenço Pereira, que era assessor de Marinho, também foi afastado e as portarias foram publicadas no Jornal do Município.
Os dois deixam os cargos na Prefeitura após uma notificação do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) a respeito do processo em que os dois são investigados. O Ministério Público (MP) investiga uma denúncia de que Marinho arrecadaria dinheiro de assessores para custeio de material para campanha política. Já Ilzo é apontado como quem faria as supostas cobranças.
Agora, quem assume a pasta deixada por Marinho é o ex-prefeito Flávio Chaves. O ex-secretário não poderá assumir o cargo de vereador, a qual foi eleito, e seu afastamento deve se dar até o fim das investigações.


Mais Notícias