CEU das Artes do Laranjeiras recebe primeira mostra do CinePerifa com debate sobre feminicídio

Cultura 13 dez / 2019 às 18:25

O Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) das Artes do Laranjeiras receberá a primeira mostra do CinePerifa, no sábado (14) a partir das 17h. O evento exibirá curtas-metragens sobre o tema do feminicídio, que é o homicídio praticado contra as mulheres, única e exclusivamente pelo fato delas serem mulheres.
O CinePerifa é um projeto cultural de exibição de filmes e documentários independes nas periferias de Sorocaba, que tem como objetivo levar cultura e discussões sobre temas relevantes na nossa sociedade atual.
A mostra exibirá o documentário Por Elas, que retrata a vida de quatro mulheres que compartilham suas histórias de violências, refletindo sobre o papel da sociedade na violência contra a mulher. A obra é dirigida pelas estudantes baianas do curso de Rádio e TV da Universidade Estadual de Santa Cruz (BA) Carla Candace, Hanna Rocha, Juliana Oelsner e Mariana Carvalho. O CinePerifa também exibirá o filme Feminicído : A Realidade Brasileira, obra das Dione Ramos Vieira e Fernando Saboia.
Após as exibições, o evento também contará com uma roda de debates com a participação da presidente da Associação Transgêneros de Sorocaba (ATS), Thara Wells, a jornalista Isabela Garcia e a advogada e presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Sorocaba, Emanuela Barros.
Ao Z Norte, Thara Wells comenta a importância de se discutir o tema do feminicídio. “Para Além das estatísticas que não param de crescer, somada as vulnerabilidades que as mulheres periféricas enfrentam diariamente, esse evento que tem como disparador temas pertinentes ao empoderamento feminino levando a informação com o debate com roda de conversa,” explicou a presidente da ATS.
Um dos assuntos na pauta do encontro, a ativista ressalta a necessidade de ampliar os debates sobre as violências sofridas pela comunidade trans. “Extremamente necessária e emergencial. Vivemos em um país que mais mata pessoas trans no mundo. Precisamos trazer para o debate a situação social real dessas pessoas. Sem saúde, sem educação, sem oportunidade no mercado formal de trabalho. Precisamos pensar no acesso e na permanência dessas pessoas que estão excluídas e marginalizadas desde sempre,” finaliza Thara.
Quem não puder comparecer a exibição dos filmes no centro unificado pode encontrar as obras de forma gratuita pela internet, no site https://bombozila.com/category/genero/
A entrada para a mostra CinePerifa é gratuita. O CEU das Artes fica localizado na rua Washinton Pensa, nº 969.


Mais Notícias